Meta

Ampliando nossas políticas de bullying e assédio on-line

  • Hoje, estamos anunciando atualizações em nossa política de bullying e assédio para  melhor proteger as pessoas em nossas plataformas.
  • Estamos introduzindo uma política para ajudar a proteger as pessoas de assédio e bullying em massa.
  • A partir de agora, removeremos mais conteúdo prejudicial que ataca figuras públicas, bem como forneceremos mais proteção para figuras públicas que se tornaram famosas involuntariamente, como defensores dos direitos humanos e jornalistas.

É importante que todas as pessoas que acessam nossos aplicativos se sintam seguras para engajar e se conectar com suas comunidades. Não permitimos bullying e assédio em nossa plataforma, mas quando isso acontece, agimos. Removemos conteúdo que infringe nossas políticas e desativamos as contas de pessoas que violam nossas regras repetidamente. Vale lembrar que testamos regularmente essas políticas com nossos especialistas em segurança, fazendo melhorias caso sejam necessárias.

Hoje, data em que é observado o Dia Nacional de Prevenção e Conscientização contra o Bullying nos Estados Unidos, estamos anunciando atualizações em nossas políticas globais de bullying e assédio para melhor proteger os membros de nossa comunidade que possam ser particularmente vulneráveis ​​ao abuso online.

Combatendo o assédio em massa coordenado e direto

Lançamos uma nova política que ajuda a proteger as pessoas contra assédio em massa e intimidação a partir de múltiplas contas. Agora, removeremos os esforços coordenados de assédio em massa que visam indivíduos com alto risco de danos offline, como, por exemplo, vítimas de tragédias violentas ou dissidentes do governo – mesmo que o conteúdo por si só não viole nossas políticas. Também removeremos conteúdo questionável que seja considerado assédio em massa contra qualquer indivíduo em âmbito pessoal, como mensagens diretas privadas ou comentários em perfis pessoais ou postagens. Exigiremos informações ou contexto adicionais para aplicar esta nova política.

Além disso, também removeremos redes de contas vinculadas ou opositoras a Estados, como Páginas e Grupos que trabalham juntos para assediar ou silenciar pessoas.

Mais proteção para figuras públicas

Figuras públicas – sejam elas políticos, jornalistas, celebridades ou criadores – usam o Facebook e o Instagram para alcançar e se envolver diretamente com seus seguidores, e por isso estamos sempre tentando encontrar o equilíbrio certo entre proteger as figuras públicas de abusos e permitir o diálogo aberto sobre elas em nossas plataformas. Nossa política de bullying e assédio diferencia figuras públicas de indivíduos privados para permitir a liberdade de expressão e o discurso público legítimo em torno daqueles que estão sob o olhar público.

Figuras públicas não devem ser submetidas a ataques degradantes ou sexualizados. Atualmente, removemos ataques a figuras públicas que abrangem uma ampla gama de danos. Com base no feedback de um grande número de stakeholders globais, agora também removeremos:

  • Conteúdo de sexualização severa
  • Perfis, Páginas, Grupos ou eventos dedicados a sexualizar a figura pública
  • Imagens e desenhos sexualizados depreciativos “photoshopados”
  • Ataques por meio de descrições físicas negativas que são marcadas, mencionadas ou postadas na conta da figura pública
  • Conteúdo degradante retratando necessidades biológicas de indivíduos

Além disso, removeremos comentários sexualizados indesejados e conteúdo repetido que envolva assédio sexual. Como o que é “indesejado” pode ser subjetivo, contaremos com o contexto adicional da pessoa que está sofrendo o abuso para agir. Fizemos essas alterações porque ataques como esses podem prejudicar a imagem de uma figura pública, o que é desnecessário e muitas vezes não está relacionado ao trabalho que essas figuras públicas representam.

Também reconhecemos que se tornar uma figura pública nem sempre é uma escolha e que essa fama pode aumentar o risco de bullying e assédio – especialmente se a pessoa vier de uma comunidade sub-representada, incluindo mulheres, negros ou a comunidade LGBTIQ+. Em linha com os compromissos assumidos em nossa política corporativa de direitos humanos, agora ofereceremos mais proteções para figuras públicas como jornalistas e defensores dos direitos humanos que se tornaram famosos involuntariamente ou por causa de seu trabalho. Esses grupos agora terão proteção contra conteúdo nocivo, como o conteúdo que descreve sua aparência física, como fazem outras figuras públicas involuntárias. A lista completa de proteções para figuras públicas pode ser encontrada em nossos Padrões da Comunidade.

Consultando nossa comunidade e stakeholders globais sobre essas mudanças

Ao atualizar nossas políticas, consultamos vários stakeholders, incluindo defensores da liberdade de expressão, especialistas em direitos humanos, grupos de segurança feminina e nossos conselheiros especialistas em segurança da mulher, cartunistas e satiristas, mulheres políticas e jornalistas, representantes da comunidade LGBTIQ+, criadores de conteúdo e figuras públicas. Continuaremos a trabalhar com especialistas e a ouvir os membros da nossa comunidade para garantir que nossas plataformas permaneçam seguras.

Nossas políticas complementam as ferramentas que criamos em nossos aplicativos para prevenir, interromper e denunciar bullying e assédio online. Essas ferramentas permitem que as pessoas gerenciem interações indesejadas ou abusivas, como bloquear ou deixar de seguir alguém no Facebook e Instagram, e ativas os recursos Restringir Contas, Palavras Ocultas e Limites no Instagram. Para saber mais sobre esse trabalho e os recursos que desenvolvemos com especialistas para reduzir esse tipo de comportamento online em geral, visite nossa Central de Prevenção ao Bullying em nossa Central de Segurança, desenvolvido em parceria com o Centro de Inteligência Emocional de Yale.

Product Policy Forum Minutes: Definição de Figuras Públicas 

Product Policy Forum Minutes: Ataques a Figuras Públicas 

Product Policy Forum Minutes: Ataques coordenados e assédio em massa



Usamos cookies para ajudar a personalizar conteúdo, mensurar anúncios e fornecer uma experiência mais segura. Clicando ou navegando no site, você concorda em permitir a coleta de informações dentro e fora do Facebook por meio de cookies. Saiba mais, inclusive sobre os controles disponíveis: Política de Cookies